NAÇÕES BALNEÁRIO CAMBORIÚ-SC

Blog
Terça, 13 de junho de 2017

Jogando em casa neste sábado passado, Nações 4 x 4 XXV de Dezembro.

Participe, deixe o seu comentário
Terça, 13 de junho de 2017

Jogo de Sábado retrasado na Cidade de Jaraguá do Sul, CERVEJA 3 x 5 Nações.

Participe, deixe o seu comentário
Quarta, 24 de maio de 2017

Sábado de muita chuva, mas de muito futebol também, com nossos amigos do Garuva em nossa Sede.

Neste sábado passado, apesar de muita chuva no Estado, nós do Nações, recebemos a forte equipe do Garuva do nosso grande amigo Luiz Henrique. Muitos jogos cancelados, devido as fortes chuvas, mas como nosso Campo tem uma ótima drenagem, conseguimos manter o jogo. Vamos ao que de melhor aconteceu nos dois tempos de jogo e após, onde sempre é a melhor parte, a confraternização entre as equipes adversárias.

Primeiro tempo começa com a equipe do Garuva dando o ponta pé inicial, jogo com muita marcação por parte das duas equipes, gramado escorregadio devido à chuva, onde de certa maneira, a bola corria mais rápido, e o jogo se tornava de muita movimentação. Nações tentava trocar passes em busca do primeiro gol, mas não conseguíamos acertar o último passe, acredito estarmos muito ansiosos, onde assim errávamos muito, passes de um, dois metros, nao estávamos bem no jogo, desta maneira o Garuva tentava aproveitar os erros do Nações, mas também não conseguia aproveitar as chances támbem, marcação boa por parte dos dois lados, até que então, em bola roubada na zaga, troca de passes com volante e meias, a bola chega caprichosamente nos pés do matador Mônica, que domina, avança e de fora da grande área, acerta um belo chute quase que não gaveta, sem chances para o goleirão do Garuva, abrindo o placar no jogo para o Nações. Garuva, então vem e me busca do empate, algumas chances desperdiçadas, e com isso o Nações segue nos contra-ataques, num destes, ganhamos o escanteio a nosso favor, Mônica bate, a bola é tirada de cabeça pela zaga adversária, mas cai nos pés do nosso meia Habilidoso Chaves, que ameaça a batida, corta um adversário, ameaça novamente e corta o segundo, e de chapa coloca no canto esquerdo do goleiro, fazendo o segundo gol do Nações. Mudanças no Nações então, entra nosso lateral habilidoso, ofensivo e defensivo Leôncio, para muitos Bigode, como ele mesmo diz, ele não joga futebol, mas dá apresentação, entra com muita vontade tremenda, e assim com essa vontade, vai ajudando o setor defensivo a manter a vantagem conquistada no primeiro tempo, e ainda tem tempo para trocar passes com seu mais que amigo, irmão, sei lá o que posso dizer, ele Téo Pereira, para os mais chegados Paulista, uma amizade muito sólida, sem dizer na sua habilidade com a bola nos pés, mais um que da apresentação, duas pessoas extraordinárias. Terminando assim mesmo, o primeiro tempo, Nações 2 x 0 Garuva.

Começa o segundo tempo, logo em seguida, já que estava muito frio e a chuva ia e vinha, então para não esfriar muito, fomos ao jogo. Nações muda algumas peças, mais marcação no meio campo, imaginem só, Cachorro Louco e Kibe juntos, não passa nada, e quando passava, tinha Agostinho que acha que é atacante, kkkkkkkkkkkk, e Tonho da Lua, que estava mesmo, era atrás da Rutinhaaaaaa, porque para o jogo é que não, e para fechar o setor defensivo, Leão Lobo e Xonado, juntos quase 170 kg, kkkkkkkkk, acho que um regime vai bem, e nosso Paredão Xero, esse sem comentários, monstro embaixo daquele gol. Vamos lá então, Garuva vem em busca do empate e talvez até a virada, muitas trocas também no Garuva, Nações ficou só na espera dos contra-ataques, Garuva tentava entrar no setor defensivo do Nações, mas estava difícil, e nestes contra-ataques, bola tocada para Zé Buscapé, que de primeira, serve na bandeja, Mônica, que em velocidade sai cara a cara com o goleiro do Garuva, soltem o trabalho de tirar do goleiro e fazer seu segundo gol e o terceiro do Nações. Garuva valente, não desistia, tentava de todos os lados do campo, mas não aceitava seu último passe, e a pontaria não estava boa, mas não desistia do seu primeiro gol, novamente Nações em boa troca de passes entre meias e volantes, deixam ele, Mônica cara a cara com o goleiro do Garuva, e então, sai o seu terceiro gol, pedindo música novamente, e pediu, em homenagem  a Família Nações e o Agostinho, a música foi aquela, " Esta Família é muito Unida". Nações abre 4 gols, e novamente mudanças no Nações, voltam Esqueleto, Garoto Bombado, Suricato e Ligeirinho, jogo que segue, Nações vai administrando o placar, até que em boa triangulação pela lateral direita do Garuva, em chute forte para dentro da grande área do Nações, Esqueleto tenta interceptar, mas a bola pega na barriga e engana nosso paredão Xero, gol de barriga do Esqueleto, lembrando Renato Gaúcho na final do Carioca, Garuva faz seu gol de honra. Terminando logo em seguida o grande jogo entre as duas equipes, placar final, Nações 4 x 1 Garuva.

Garuva, uma equipe muito aplicada dentro e fora de campo, jogadores leais, campo molhado, mas as duas equipes pensando somente em jogar bola, acredito que no jogo todo, um carrinho apenas, mas na bola ainda, sem perigo nenhum ao adversário, apesar do placar, Garuva teve algumas chances claras de gol também, só não soube aproveitar, chances estas que o Nações aproveitou. Uma pena nosso grande amigo Luiz Henrique não poder ter vindo a Balneário, Paulista quando soube, nem queria mais vir ao jogo, ficou muito triste, kkkkkkkkkkkkkkk, brincadeiras à parte, Luiz Henrique, você sabe o respeito e a admiração que eu Marcelo, Leto e Paulista temos por você. Após o jogo, a festa só melhorou, fomos para a melhor parte, a janta, a cerveja e a cantoria por parte da turma do Garuva. Espero que o Veteranos do Garuva, tenha gostado da tarde de futebol e bate papo, junto ao Nações, apesar do tempo chuvoso, mas que não atrapalhou nada, no meu ver. 

Naçõées jogou assim: Xero, Esqueleto, Leão Lobo , Agostinho, Suricato, Garoto Bombado, Cachorro Louco, Téo Pereira, Tonho da Lua, Zé Buscapé, Mônica, Xonado, Kibe, Chaves, Zangado, Ligeirinho, Leôncio.

Mais uma partida perfeita Nações, muita troca de passes, defesa perfeita, e ataque matador; sem reclamações alguma entre jogadores, cada jogo que passa, mais esquecemos o juiz, e pensamos somente em jogar futebol. Colaboração de todos os jogadores nas trocas no decorrer do jogo, tenho certeza que assim, nossa Família Nações só vaí fortalecendo mais e mais a cada jogo que passa. Não poderia deixar de mencionar, à volta do nosso maestro no meio campo, Zangado, após lesão atrás do joelho, voltou, jogou todo segundo tempo, e graças a Deus não sentiu nada, que bom Zangado, que você já está de volta à nossa Famíli, você sabe o quanto a galera o respeita e admira. Valeu Família, grande abraço e até sábado que vem, para mais uma partida mais que dificil, contra nossos amigos do Democrata de São Bento do Sul.

Esqueleto/ Marcelo.

 

3 pessoas comentaram. Leia e comente também!
Domingo, 14 de maio de 2017

Mais um sábado de muito futebol, alegria e muita amizade na Cidade de Guaramirim com nossos amigos do Vet. Guaramirim.

Boa noite amantes do nosso Futebol Veterano. Neste sábado à tarde fomos visitar nossos amigos do Veteranos de Guaramirim na Cidade de Guaramirim. Como sempre, desde a chegada, já fomos recepcionados pelos atletas, Renato e Zé, grandes amigos de longa data, tudo perfeito, tarde ensolarada, campo em perfeitas condições, um tapete, arbitragem nota 1000 e uma galera 100% do Guaramirim.

Vamos ao que de melhor aconteceu no jogo, no primeiro tempo, Nações dá o pontapé inicial e rola a gorducha, muito toque de bola por parte do Nações, sempre chamando o adversário para a defesa, para assim abrir a marcação e sair em busca do gol, mas o Guaramirim fazia marcação forte, não deixandoo ataque do Nações se criar, então já que não estava dando certo com a troca de passes, nosso Paredão Xero faz uma defesa, e mais que rápido vê Mônica mano a mano com o zagueiro, então dá um perfeito lançamento, a bola quica na frente do zagueiro do Guaramirim que tenta tirar, mas erra o chute e Mônica acreditando na jogada rouba a bola e sai frente a frente com o goleiro do Guaramirim, escolhe o canto e chuta para o fundo das redes, abrindo o placar para o Nações. Segue o jogo, Guaramirim vem em busca do empate, pois jogava nos seus domínios, tenta algumas investidas, mas a nova dupla de zaga Leão Lobo e Esqueleto, dominavam bem o setor defensivo, junto com seus laterais e volantes. Então, aos 30 minutos, Nações faz uma alteração, entra ele, Leôncio ou Biga para os mais chegados, nosso lateral ofensivo e defensivo, nos altos dos seus quase 64 anos, parece um garoto, muita habilidade e velocidade numa só pessoa. Seria ele a arma secreta para o segundo gol ? Quem sabe? Jogo seguia com boas chances dos dois lados, e quando parecia que o primeiro tempo terminaria um a zero para o Nações, acontece uma falta um pouco antes da grande área, o jogador do Guaramirim cobra a falta, com um belo chute que quica quase em cima do nosso Paredão Xero, que espalma para o meio da grande área, Esqueleto e Leão Lobo dormem na grande área, e só olham o atacante do Guaramirim de cabeça empatar o jogo, não dando mais tempo para mais nada, terminado assim o primeiro tempo, Guaramirim 1 x 1 Nações.

Vamos ao segundo tempo de muitas emoções, algumas mudanças no Nações, entram Sgt Pincel no ataque, Woddy Toy Store na zaga, depois de quase dois meses viajando, Papay Pig vai para o meio, e Ligeirinho volta a lateral direita, com Tonho da lua na lateral esquerda. Segue o jogo, Guaramirim vem em busca da virada, já que tinha empatado no final do primeiro tempo, Nações começa segundo tempo, sendo meio encurralado no setor defensivo, mas suportava bem, mas Ligeirinho em boa jogada pelo lado direito, é atropelado por uma jamanta desgovernada do Guaramirim, sente a costela, e é substituído por Agostinho Carrara, o tal Delegado do ano passado, não vou entrar em detalhes, mas a grande maioria sabe o que quiz dizer sobre o Delegado, kkkkkkkkkkkkk, que entra muito bem por sinal, executou muito bem seu papel de lateral, tanto defensivo como ofensivo. Jogo que segue, e em boa troca de passes, Mônica recebe a bola pela direita, se livra da marcação e de bandeja, toca para Sgt Pincel, livre de marcação só colocar a pelota para dentro do gol. Guaramirim não acredita, pois jogava bem o começo do jogo, se abre um pouco mais em função da busca pelo empate, mas era preciso, Nações vai tentando se aproveitar do momento, e novamente em lançamento para Mônica pela direita, mesmo sendo agarrado, puxado, pelo zagueiro enxadada Zé, consegue colocar na frente, se desvencilhar da marcação e chutar para fazer seu segundo gol e o terceiro do Nações. Mais algumas mudanças no Nações, Tonho da lua vem para o meio, Suricato vai para lateral esquerda, Cachorro Louco entra como volante, e Esqueleto volta para a zaga, e o time continua a mesma pegada, e não é que Tonho da Lua faz uma grande jogada pelo meio com atacante Sgt Pincel, Sgt Pincel toca para Tonho da Lua, que de primeira, vira o corpo e deixa Sgt Pincel de cara a cara com o goleiro do Guaramirim, o que acontece, golllllllllllllllllll, mais um do Sgt Pincel, Guaramirim não acredita, parece se perder no jogo, Nações vai aproveitando, mais uma vez, boa triangulação dos meias e ataque, e falta próximo da grande área, Mônica chuta forte por cima da barreira, goleirão espalma para frente, e quem estava lá, ele o oportunista, tanque Sgt Pincel, para com muita vontade empurrar para dentro do gol, fazendo seu terceiro gol no jogo e o quinto do Nações, é claro que três gols, pede música, a música pedida foi "Deus cuida de mim", que volta Sgt Pincel, após três jogos ausentes, voltou em grande estilo. Guaramirim não desiste não, e em busca de diminuir o placar, o meia sofre falta no bico grande área, o meia do Guaramirim, bate com maestria, no canto contrário da barreira, paredão Xero só olha, e a bola explode na barriga de bicha do Agostinho Carrara, mas sobra novamente sem marcação para o atacante do Guaramirim fazer o seu segundo gol no jogo. Nova mudança no Nações, entram o atacante Zé Buscapé e Garoto Bombado, e não é que desta dupla, sai o sexto gol do Nações, grande passe de Tonho da Lua, Sgt Pincel nem se mexe, Guaramirim pede impedimento, mas Garoto Bombado sai de trás do Sgt Pincel, e quase na linha de fundo, chuta para dentro da área, para que Zé Buscapé só tenha o trabalho de fazer o seu gol e o sexto do Nações, acreditaram na jogada e assim saiu mais um gol do Nações. Não dando tempo para mais nada. Final de partida Guaramirim 2 x 6 Nações.

Parabéns Guaramirim, tudo perfeito, desde a chegada até a saída, campo perfeito, marcação muito visível do campo, arbitragem nota 1000, jogo melhor ainda, jogo de muita maracação, de bons jogadores dos dois lados, jogo aberto, muito respeito entre os Veteranos, uma partida decidida no segundo tempo, a partir dos 20 minutos, após o jogo, fizemos a tradicional oração no meio de çampo, todos juntos, grandes palavras do Renato e Zé por parte do Guaramirim, e do Agostinho e Esqueleto por parte do Nações, e depois, a melhor parte, muita festa, bate papo e uma janta deliciosa pelo Guaramirim. Parabéns mais uma vez, Guaramirim, tudo excelente, rapaziada gente boa demais, grande abraço, e vamos tentar retribuir a altura.

Nações jogou assim: Xero, Esqueleto, Leão Lobo, Agostinho, Suricato, Garoto Bombado, Cachorro Louco, Téo Pereira, Chaves, Zé Buscapé, Mônica, Woddy Toy Store, Ligeirinho, Kibe, Tonho da Lua, Papai Pig, Sgt Pincel e Leôncio.

Parabéns Nações, mais um grande jogo, mais uma vez, quase que perfeito, alguns erros de marcação, alguns erros nos passes, alguns erros nas finalizações, kkkkkkkkkkkkkk. Erros? Erros nada, não somos profissionais, e mesmos se fossemos, qual o problema em errar? Nenhum, não ganhamos nada, saímos de casa para nos divertirmos, para vermos uns aos outros, depois de uma semana cheia, de muito trabalho, preocupações, problemas, queremos mesmo ganhar, queremos sim, claro que não saímos de casa para perder, mas acima de tudo isso, da vitória, dos três pontos, vem a Amizade, o Respeito, a Admiração, a Felicidade, o Amor que temos uns com outros, uma segunda Família, verdadeiros Pais, Irmãos, Tios, Primos, todos com seus conselhos, quem sabe, na hora certa, na hora errada, mas cada um com o seu, importante é saber escutar, absorver, ou não, vai de cada um, importante respeitar a opinão de cada um. Obrigado Família Nações, por estarem me ajudando nas trocas no decorrer do jogo, havendo respeito e um pouco de paciência por todos, vamos continuar este clima excelente que está entre nós todos, muita festa, alegria, brincadeiras, sacanagens, desde a chegada até a saída. Valeu Galera do Bem. 

Obs: Biga, que bom que vc foi no jogo, vc não existe, eu sei o quanto vc gosta dessa galera, logo logo, Maria vai estar 100%, e vc estará todos os jogos conosco. Meu lateral habilidoso.

Grande abraço.

Marcelo/ Esqueleto.

3 pessoas comentaram. Leia e comente também!
Segunda, 8 de maio de 2017

Um jogo onde o Nações soube aproveitar melhor suas chances, já nossos amigos do Sênior Gaspar não tiveram o mesmo êxito.

Boa noite galera, neste sábado recebemos nossos amigos do Veterano do Sênior Gaspar da Cidade de Gaspar, para mais um grande encontro. Tudo certo, campo excelente, arbitragem em cima do laço e uma tarde com clima ameno para a prática do nosso futebol. 

Começa o jogo, Sênior Gaspar da o ponta pé inicial, e já vem contudo para cima do Nações, jogadores habilidosos e de muita velocidade, começa então a correria para cima dos defensores do Nações, até parecia que estavam jogando na casa deles, não conseguíamos fazer as triangulaçõe de sempre, pois uma forte marcação por parte deles, em nossos atacantes e meias, mas o Nações conseguia suportar a pressão, até os 25 minutos do jogo, jogo de um só time, Sênior Gaspar muito bem no jogo, então Nações faz cinco mudanças, entram o Meia Chaves, volante Garoto Bombado, Lateral Agostinho, atacante Zé Buscapé e o lateral leão Lobo, e não é que surte efeito as mudanças, Nações começa a tocar mais a bola, e a chegar mais próximo do gol, então, em roubada de bola na zaga, o lateral Ligeirinho troca passes com Chaves, Ligeirinho de três dedos lança Tonho da Lua que cruza para de Cabeça Mônica abrir o placar do jogo para o Nações. Sênior Gaspar não acredita, mas vem em busca do empate, mas novamente o Nações em boa troca de passes, acontece um bate rebate na área do Sênior Gaspar, e acaba sobrando para o chute do atacante Mônica, novamente fazendo mais um gol para o Nações, segundo dele. Sênior Gaspar não desiste, e vem novamente contudo, e em boa jogada do volante André com o atacante capitão, que faz a parede e escora para um belo chute de fora da área, onde nosso Paredão Xero nada pode fazer, diminuindo assim o placar em 2 x 1 para o Nações. Sênior Gaspar vê a possibilidade de empatar o jogo, e vem novamente em busca do seu segundo gol, mas novamente o Nações em boa troca de passes entre meia e lateral, eis que Chaves cruza rasteiro na pequena área, para de carrinho Mônica entrar com bola e tudo, fazendo seu terceiro gol no jogo e dando um banho de água fria na reação do Sênior Gaspar, tão logo assim, acabando o primeiro tempo, Nações 3 x 1 Sênior Gaspar.

Vamos ao segundo tempo de mais emoções, começa o jogo, o Nações vai administrando o resultado, Sênior Gaspar vai saindo em busca do seu segundo gol, mas novamente, Chaves em boa jogada, parte para cima do zagueiro do Sênior Gaspar, que acaba fazendo pênalti, ele mesmo o Chaves vai para a batida, e faz o quarto gol do Nações. Sênior Gaspar continua em busca do seus gols, mas à tarde era do Nações mesmo, grande jogada pela lateral com Garoto bombado e Tonho da Lua, que cruza para dentro da área, que de primeira, Papai Pig acerta um belo chute no canto direito do gol, fazendo o seu também. Nações da uma relaxada no jogo, e o Sênior Gaspar em boa jogada pela lateral direita, o atacante de dentro da grande área acerta um patasso, que de carrinho Eaqueleto se joga, interceptando a bola com a coxa e o braço esquerdo, juizão não vê, manda seguir, mas vem ao encontro do zagueiro Esqueleto, e pergunta se bateu na mão, este mesmo, confirma para o juiz que pegou sim, então ele volta atrás e assinala o pênalti, o meia do Sênior Gaspar vai para a batida, e gollll, segue o jogo, Sênior Gaspar parte para cima, e em cruzamento na área, o atacante malandro que é, engancha o braço com o do lateral Agostinho, e cai puxando ele junto, juizão vê pênalti novamente, esse tem que dar o mérito para o atacante malandro, mas o mesmo meia que bateu o primeiro, acaba chutando no mesmo canto direito, e o Paredão Xero, esperto, vai no mesmo canto e faz a defesa. Nações segue em busca de mais gols, nosso lateral com o meia, troca passes e toca para Mônica, que em arrancada pela esquerda, sofre falta próximo da grande área, Garoto Bombado, com maestria, bate por cima da barreira no canto esquerdo do gol, rente à trave, e ela caprichosamente  entra, fazendo assim o sexto gol do Nações, e o jogo continua, dois times em busca de seus gols, mas quem acha mais um é o Nações, ele Mônica parte para cima e chuta rasteiro para fazer seu quarto gol e o sétimo do Nações, dando números finais a partida, com o placar de Nações 7 x 2 Sênior Gaspar.

Um baita de um jogo, Sênior Gaspar, não merecia este resultado, jogou melhor nos seus 25 primeiros minutos, mas não soube aproveitar as chances que obteve no jogo, com isso Nações achou seu primeiro gol e cresceu no jogo, aproveitou suas chances que obteve, acima de tudo, um jogo muito leal e de muito FairPlay por parte dos dois lados, jogadas normais de jogo, sem deslealdade alguma. Grandes amigos nesta excelente equipe do Sênior Gaspar, muito bem comandado pelos atletas André e Morales, pessoas sensacionais, assim como os demais, Denilson, Morales, Mauri, Pedro, Amarildo seu Pepe, entre outros. Espero que tenham gostado do sabadão à tarde em nossa sede, uma pena não poder ter ficado todos os atletas, devido a compromissos, mas os que ficaram, espero que o Peixe tenha sido de seus agrado.

Nações jogou assim: Xero, Esqueleto, Xonado, Ligeirinho, Suricato, Kibe, Cachorro Louco, Téo Pereira, Tonho da Lua, Mônica, Papai Pig, Zé Buscapé, Agostinho, Leão Lobo, Garoto Bombado, Chaves.

Que jogo foi esse Nações? Um começo avassalador do Sênior Gaspar, mas o setor defensivo se virando muito bem, após os 25 minutos, nossos meias e ataque começaram a tranquilizar mais o setor defensivo, fazendo os gols, e o segundo tempo, muita vontade por parte de todos, soubemos aproveitar as chances que tivemos frente a uma fortíssima equipe, jogamos bem novamente, estamos no caminho certo, e acima de tudo muito respeito entre nós e contra os adversários. Parabéns pelo excelente jogo, e aos atletas que estão comparecendo aos jogos, e demonstrando a vontade e a garra de vencer, mas com muito respeito. Grande abraço Familia Nações.

Marcelo/Esqueleto.

 

 

2 pessoas comentaram. Leia e comente também!
Segunda, 8 de maio de 2017

Jogo truncado, muita marcação, e goleiros pegando até pensamento, assim foi Nações x Moura de Canelinha no dia 29/04.

Boa noite galera do Futebol Veterano, sábado passado 29/04, jogamos em nossa Sede contra nossos amigos do Moura da Cidade de Canelinha. Como sempre, um jogo muito disputado, mas dé muito respeito entre estas duas equipes.

Vamos ao primeiro tempo, bola rolando, muita troca de passes no meio campo, junto de muita marcação por ambos os Veteranos, até que em boa triangulação entre o meia Chaves e o lateral esquerdo Suricato, que de calcanhar deixa Chaves de frente com o goleiro, para chutar pelo alto, sem chance de defesa para o goleiro do Moura, golaço, pela troca de passes que aconteceu. Seguindo o jogo, Moura tenta o empate, mas esbarra na boa marcação do setor defensivo do Nações. Terminando assim o primeiro tempo, com 1 x 0 para o Nações. 

Começa o segundo tempo, e o Moura vem em busca do empate, mas nessa busca, o Nações aproveita os contra ataques, e é num desses contra-ataques que Mônica faz bela arrancada pela esquerda, e chuta cruzado rasteiro para dentro da área, para Zé Buscapé de chapa só tocar para dentro do gol, fazendo o segundo do Nações. Moura vem para o tudo ou nada, e depois de tanta insistência, jogador do Moura faz bela jogada pela direita, e faz o cruzamento para o atacante se livrar da marcação e chutar rasteiro no canto direito do goleiro do Nações, que nada pode fazer, abrindo o placar para o Moura, então Moura se assanha e vem em busca do empate, mas o jogo segue até o final, com o placar de Nações 2 x 1 Moura.

Veterano do Moura, do meu grande amigo Agnaldo, galera super gente boa, um jogo muito disputado do começo ao fim, mas com muita lealdade por parte dos dois Veteranos, resultado apertado, espero que tenham gostado do sábado ao nosso lado, agora só aguardar a volta, para passarmos mais um sábado agradável de muito futebol e resenha após o jogo na Cidade de Canelinha.

Nações jogou assim: Xero, Esqueleto, Xonado, Agostinho, Suricato, Cachorro Louco, Kibe, Téo Pereira, Chaves, Mônica, Papai Pig, Ligeirinho, Leão Lobo, Tonho da Lua, Zé Buscapé, Zangado.

Parabens Nações por mais uma Vitória, não jogamos bem, mas da mesma forma ela veio, poderíamos ter melhor chance, mas do outro lado tinha uma equipe de forte marcação e com um ótimo goleiro, pegando até pensamento, nem sempre vamos jogar bem, mas mesmo assim a vontade e a barra pode superar tudo isso. Ânimos quentes após o apito final, entre alguns jogadores, mas tudo normal, desabafo resolvido, desculpas devidas, e muita festa após o jogo. Muita cerveja, Cuba e música da boa. Valeu galera, sábado muito show ao lado de toda vcs. 

Marcelo/Esqueleto.

1 pessoa comentou. Leia e comente também!
Sexta, 28 de abril de 2017

Tudo certo para mais um Jogão de bola , contra nossos amigos do Moura da Cidade de Canelinha. Sejam todos bem vindos à Sede do Nações.

Participe, deixe o seu comentário
Terça, 25 de abril de 2017

Sábado de muito futebol na Cidade de Guabiruba, contra nossos Amigos de longa data do Olaria.

Neste sábado passado, fomos a Cidade de Guabiruba, para jogar aquele futebol tão esperado e rever nossos amigos de longa data do Olaria, comandado por este incansável Valdecir, meu concorrente nas quatro linhas e nas resenhas, um mestre com as mãos no teclado.

Tudo perfeito, sábado de clima ameno, campo excepcional e o veteranos do Olaria em campo, pronto para começar a peleia.

Começa o primeiro tempo, Nações dá o ponta pé inicial, bola que rola dentro das quatro linhas, boa marcação dos dois lados, bom toque de bola entre os meias e setor defensivo, Nações segue sem pressa, chama a marcação do Olaria para o setor de defesa, mas a primeira chance do jogo é do Olaria, que em bola lançada no lado direito em direção ao atacante do Olaria, mas segundo o Juiz, atacante em impedimento, muita reclamação do Olaria, mas jogo que segue, Nações faz boa triangulação com os meias e ataque, então Mônica recebe a bola e parte para cima do zagueiro dentro da grande área, onde o zagueiro acaba fazendo pênalti, novamente muita reclamação, kkkkkkkkkkkkk, e o zagueiro inconformado com a marcação, vai tirar satisfação com o Juiz, e acaba sendo expulso, Nações que não tem nada a ver com isso, só aguarda o apito do juiz, Mônica vai para o bate e abre o placar para o Nações. Olaria vem em busca do empate, mas o setor defensivo estava muito bem, anulava todas as investidas do Olaria, atacante do Olaria tem chance na pequena área, mas demora a chutar e perde a bola, então Nações segue com a boa troca de passes, e novamente Mônica arranca pelo lado direito e chuta forte rasteiro, para fazer o segundo gol dele e do Nações. Olaria não desiste, e vem contudo em busca do seu gol, mas derrepente nosso volante Kibe é derrubado por um ser do outro mundo, acredito ser o Gasparzinho, caiu, tropeçou, se esburrachou sei lá, só vi aquele corpo estendido no chão, se levantando o mais rápido possível, achando que o Esqueleto não finha visto, para não cair na resenha também, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, só que não deu, fui mais rápido, kkkkkkkkkk, está aí, em sua homenagem Kibe, segue o jogo, Nações jogava bem, muita troca de passes, então nessas trocas de passes, sai o terceiro gol do Nações, por sinal um golaço, nosso goleiro Xero toca para Chaves na lateral esquerda, que domina e lança do outro lado, na direita para Papai Pig, que avança e vê Mônica em velocidade em direção a grande área acompanhado por dois zagueiros, então Papai Pig com muita maestría faz o cruzamento certeiro para Mônica no meio dos dois zagueiros de cabeça estufar a rede adversária, fazendo seu terceiro  no jogo, pedindo música inclusive, em homenagem ao Chaves, Lá vem o Chaves, Chaves Chaves, Lá vem o Chaves, CHaves Chaces...... terminando assim o primeiro tempo, com o placar de 3 x 0 para o Nações.

Começa o segundo tempo, Olaria vem disposto a empatar o jogo, Nações se fecha um pouco mais, e tenta aproveitar os contra ataques, sendo que o Olaria teria que vir para cima, com isso o jogo ficaria aberto, de tanto tentar, Olaria acaba conseguindo um pênalti a favor, questionamentos normais sobre o pênalt, mas sem êxito algum, pênalti mantido, jogador do Olaria, parece que sente a pressão do goleiro do Nações, Xero, e acaba acertando o travessão do lado esquerdo, como dizia Silvio Luiz, Pelas barbas do Profeta, Olarianos não acreditam, mas isso mesmo, pênalti perdido. Nações tenta seguir em busca do quarto gol, mas o Olaria acaba chegando ao seu gol de honra, num bate rebate, por duas vezes, Esqueleto primeiro tira a bola em cima da linha, segunda vez e Cachorro Louco tira novamente em cima da linha, mas na terceira o atacante do Olaria fuzila pelo alto sem chance para os defensores do Nações. Olaria vê a possibilidade de chegar ao empate, mas novamente em boa triangulação dos meias e ataque, acabam deixando ele, novamente Mônica, cara a cara com o goleiro do Olaria, que só tem o trabalho de tira do goleiro e fazer o quarto dele e do Nações. Olaria sente o gol, mas não desiste, mas à tarde era mesma do Nações, bem postado, girava bola de uma lateral a outra, e quase que sai um golaço no final do jogo, Mônica sai antes do meio campo, dribla três e de fora da grande área mete um patasso que explode no travessão e bate em cima da linha mas não entra, uma pena, seria um golaço de placa. Terminando logo em seguida o jogo, com o placar de Olaria 1 x 4 Nações.

Olaria, equipe esta que só merece elogios, rapaziada gente boa, grande Valdecir, sempre preocupado com seus adversários, mas como sempre, tudo perfeito, desde campo até recepção, acredito que Olaria se preocupou demais com a arbitragem, que por sinal era deles mesmo, e acabou esquecendo de jogar, pois tem ótimos jogadores no seu elenco, e sabem jogar com a bola no pé, mas imagino também que o Valdecir e seu elenco, também muito preocupado com sua Festa, que estava por acontecer logo em seguida após o jogo, um dia e uma noite de muito trabalho estava por vir, e veio, segundo Valdecir, mais de 3,000 pessoas na festa, que maravilha, Parabéns Valdecir e Olarianos pelo ótimo jogo proporcionado ao Nações e a grandiosa festa de vcs. Espero jogar muitos anos contra esta valorosa equipe chamada Olaria.

Nações foi a campo assim: Xero, Esqueleto, Xonado, Agostinho, Leão Lobo, Cachorro Louco, Garoto Bombado, Chaves, Téo Pereira, Papai Pig, Mônica, Kibe e Suricato.

Parabéns Nações, principalmente a estes 13 guerreiros que estiveram na Cidade de Guabiruba, jogamos com muita paciência, muito toque de bola, giramos dos dois lados do campo, começamos com nosso Paredão Xero quando preciso, sem pressa alguma de chegar ao gol, e foi assim, com muita paciência e na hora certa, chegamos aos gols, não poderia deixar de dar os parabéns ao Cachorro Louco por sua atitude, quase no final do jogo, onde soube se controlar, devido a um descontrole emocional por parte de um jogador do Olaria, Parabéns Cachorro Louco, vc e o Nações estão no caminho certo, cada jogo que passa, dá mais vontade de estar junto com todos vcs, formamos uma grande Família.

Grande abraço à todos, e até sábado que vem contra nossos amigos do Moura da Cidade de Canelinha.

Marcelo/Esqueleto.

3 pessoas comentaram. Leia e comente também!
Segunda, 17 de abril de 2017

Jogo entre as cidades vizinhas, Nações de Balneário Camboriú x Sercama de Camboriú. Que jogo foi esse?

Boa noite galera dos Veteranos, depois das duas equipes que tinham jogos marcados com a equipe do Nações e do Sercama, cancelarem seus jogos, por falta de jogadores, segundo eles, por causa do feriado, que na minha opinião não seria desculpa, porque quando se faz a tabela todos os Veteranos sabem quais finais de semana tem ou não feriados; isso se chama falta de responsabilidade com nossas equipes; mas tudo bem, o mais importante é que conseguimos marcar este jogo entre estas duas fortes equipes, não deixando o Sábado passar em branco e não deixando assim que nossas patroas nos expulsasse de casa. Mas fora esse percalço, vamos ao que de melhor aconteceu no jogo, na Sede do Nações, Sítio do Zé Buscap.

Começa o primeiro tempo, Sercama da saída na bola, e parece estar jogando em casa, vem contudo para cima do Nações, meias e atacantes rápidos e habilidosos, levando perigo ao guarda metas do Nações, mas o Nações se defendia bem, com sua linha de quatro quatro dois, tentávamos chegar pelas laterais ao gol do Sercama, e nestas investidas, nosso atacante Mônica escapa e quase dentro da grande área, é puxado pelo zagueiro Baiano, falta perigosa, mas não aproveitada, Sercama vem em busca do seu gol, alguns chutes de fora da grande área, mas nosso Paredão Xero estava muito bem, fazendo lindas defesas, então novamente pela lateral direita, Mônica é acionado, corta o goleiro e chuta forte no ângulo do gol, mas não é que aparece outro goleiro no Sercama, ele mesmo Baiano, kkkkkkkkkkkkkkk, faz uma linda defesa, evitando o gol, mas não o pênalti e sua expulsão. Mônica vai para a batida e abre o placar para o Nações, Sercama então vem para cima do Nações atrás do empate, assim Nações começou aproveitar os contra ataques, e foi dando certo esta estratégia, tanto é verdade que vou resumir esta parte do primeiro tempo, mais 4 (quatro)  Gols do atacante Mônica, desde avanço pelas laterais, triangulação com os meias e roubadas de bola, Sercama já não se achava mais em campo, tentava furar a barreira do Nações, mas estava dificil, eis que surge uma bola aérea na pequena área do Nações, o zagueiro Xonado sobe com o atacante do Sercama, e a bola acaba amortecendo nos pés do meia do Sercama, que chuta rasteiro desviando na perna do volante Cachorro louco,enganando nosso Paredão Xero, saindo assim o primeiro gol do Sercama, terminando assim o primeiro tempo, com 5 (cinco) Gols do Mônica, tarde muito feliz para nosso atacante, e 1 (um) para o Sercama.

Vamos ao segundo tempo, mudanças no Nações, entram Garoto Bombado, Sgt Pincel, e segue Zé Buscapé, Agostinho, Xonado e Cachorro Louco que entraram nos 25 do primeiro tempo. Sercama vem em busca de mais gols, tentando diminuir o placar, Nações começa a se retrancar, e aproveitar os contra-ataques, Sercama pressiona, e novamente em bola alçada na grande área, adivinha,kkkkkkkkkkkkkk, quem subiu, e tentou cabecear, ele Xonado novamente, mas de ombro consegue fazer um golaço, encobrindo nosso Paredão Xero, pena que foi contra, mas fazer o que, acontece, Sercama faz seu segundo gol no jogo, aumentando a pressão sobre o Nações, logo em seguida Sgt Pincel tem ótima chance de fazer o dele, mas coloca por cobertura tente a trave, mas para o lado de fora, Sercama vem em busca de mais gols, principalmente pela direita, Nações muda novamente, entram Papai Pig, Zico e Mônica, e o jogo muda novamente, parece replay, mas não foi, Mônica chuta sem goleiro, mas o outro zagueiro do Sercama tira a bola que seria gol com as mãos, então, pênalti novamente, Zé Buscapé, calibra o pé e chuta no canto direito para fazer o seu gol na partida também, e sai comemorando, tfershduetetgwjgdrehzcamsgdyebdfvnsgdtebhdtbdu, também não consegui entender nada o que ele falava, importante mesmo é que foi gol, kkkkkkkkkkkkkkkkkkk, segue o jogo, Sercama não desistia, mas o Nações estava impossível neste jogo, duas belas trocas de passes entre os meias e ataque, no espaço de poucos metros, ele Garoto Bombado  que está voltando de contusão, faz dois belíssimos gols, só faltou entrar com a bola dentro do gol, aumentando a vantagem para 8 (oito) gols, nova troca no Nações, entram Leão Lobo e Cachorro louco novamente, segue com mais algumas chances desperdiçadas pelo Nações, e já no final do jogo, olha só, bola alçada na grande área novamente, Paredão e defesa do Nações batem cabeça, sobrando a bola nos pés do atacante do Sercama para só empurrar a bola para dentro do gol, dando final a partida, com o placar de Nações 8 x 3 Sercama.

Não tínhamos jogado com esta equipe do Sercama ainda, nestes 6 (seis) anos de Nações, mas gostaria de parabenizar esta excelente equipe, jogadores muito bons, alguns habilidosos, um ataque muito forte, jogo este que prevaleceu o futebol, simplesmente jogaram futebol, um começo um pouco tumultuado por causa da expulsão do zagueiro Baiano, mas, depois não se viu mais o juiz, e sim só duas equipes procurando a bola e os gols, só lembrando que o Juiz era por conta do Sercama, no resto do jogo tudo normal, flair play de ambos os lados, e muita vontade por parte destas duas equipes. Deixo aqui os meus e do Nações, Parabéns ao Quinho que comanda esta excelente equipe do Sercama.

Nações jogou assim: Xero, Esqueleto, Leão Lobo, Suricato, Ligeirinho, Kibe, Zico, Téo Pereira, Chaves, Papai Pig, Mônica, Zé Buscapé, Sgt Pincel, Cachorro Louco, Agostinho, Garoto Bombado.

Parabéns Nações, mais uma apresentação de encher os olhos de quem vê nosso jogo, desde a defesa ao ataque, jogamos em sintonia, novamente um dando força para o outro, Mônica no dia inspirado, jogou muito, Chaves e Téo Pereira se entendendo no meio, Papai Pig nosso pivô, Zé Buscapé sempre com as melhores chances, Sgt pincel um verdadeiro tanque, leva tudo que tem pela frente,  nosso quarteto de volantes, Cachorro Louco e Kibe, verdadeiros destruidores, Zico e Garoto Bombado mais posse de bola, nossos laterais Agostinho, Ligeirinho, Suricato e Leão Lobo sempre firmes tanto na defesa como apoiando no ataque, nossos zagueiros Esqueleto e Xonado, sempre firmes nos desarmes e uma sintonia de muitos anos jogando juntos, e por final nosso Paredão Xero, como sempre passando muita segurança a  sua dupla de zaga, os que não falei, é porque não estavam neste jogo, mas são tão mais importantes quanto os que falei, então não próxima resenha se estiverem no jogo, serão lembrados pelos nomes. Lembrando que nosso meia habilidoso Zangado, esteve nos assistindo, por estar lesionado, não pode jogar, mas não deixa de acompanhar os jogos. E claro que faltou a irreverência, alegria, do nosso lateral Leôncio ou seria Bigode, Biga, ser humano este de um coração enorme,  Biga sou teu Fã. 

Até semana que vem contra a forte equipe do Olaria do meu grande amigo Valdecir, pedreira à vista.

Marcelo/Esqueleto.

 

 

 

 

1 pessoa comentou. Leia e comente também!
Sexta, 14 de abril de 2017

Tudo certo para este Sábado, após jogo cancelado pelo adversário, Nações conseguiu marcar com Sercama da cidade de Camboriú. Promessa de espetáculo.

Participe, deixe o seu comentário
www.futebolveterano.com.br | contato@futebolveterano.com.br