NAÇÕES BALNEÁRIO CAMBORIÚ-SC

Blog
Domingo, 20 de agosto de 2017

Nações vai a Cidade de São Francisco do Sul, joga bem, convence e sai com uma bela vitória sobre a fortíssima equipe do Corinthians.

Neste sábado, com cara de chuva, fomos visitar nossos amigos do Corinthians de São Chico, para realizarmos a partida de futebol da volta. Tudo pronto para realizar o jogo, campo marcado, trio de arbitratem em campo e as duas equipes prontas para o Show.

Vamos ao primeiro tempo, Nações da o pontapé inicial, tocando abem a bola, Corinthians vem contudo para cima, pois jogava em casa, mas o Nações conseguia envolver bem o Corinthians, apesar de ter muito trabalho com o atacante do Corinthians, mas com boa troca de passes, sai o primeiro gol do Nações, com um belo chute do atacante Mônica no lado direito do goleiro do Corinthians, que nada pode fazer. Corinthians vem para cima, mas o setor defensivo funcionava bem e anulava as jogadas mais perigosas. Novamente em boa triangulação dos meias do Nações, acontece uma falta pelo lado esquerdo, e a bola foi caprichosamente cruzada na área, eis que o lateral Suricato, paira no ar e faz o movimento perfeito de cabeça, colocando a bola no canto esquerdo do goleiro Corintiano, que não alcança e vê o segundo gol do Nações. Corintianos não abaixam a cabeça não, e vem contudo para diminuir o placa, mas em roubada de bola no setor defensivo e saída rápida, encontra Mônica que por cobertura faz o terceiro gol do Nações. Corinthians não segue acreditar, 3 gols já no primeiro tempo, Nações faz algumas mudança, entram Cunhado na lateral esquerda, que tenta em seu primeiro lance, um lançamento de três dedos, mas acaba pegando só no dedão, e acaba saindo para lateral, mas segue o jogo e o Corinthians não consegue diminuir no primeiro tempo. 

Vamos ao segundo tempo, algumas mudanças, entram Xonado na zaga, Papai Pig vai para o ataque, Amin Khader no meio e Cachorro louco volta como volante, Nações com o placar a frente, toca mais a bola e espera o Corinthian, para assim aproveitar os contra-ataques, e o jogo fica um pouco truncado no meio campo, Nações com boas chances nos contra ataques, Corinthians tentando achar seu gol com o atacante, mas setor defensivo do Nações funcionava bem. Então en contra-ataque de Garoto Bombado, ele sofre falta proximo a grande área, Papai Pig que ha muito tempo não sabia o que era acertar o gol, dessa vez com maestria coloca a bola nas redes, onde foi muito comemorado com seus amigos dentro de campo e com a galera do banco. Corinthians não consegue acreditar no placar, se joga contudo, mas à tarde era mesmo do Nações, novamente falta no bico ga grande área, só que dessa vez, Tonho da Lua arruma com carinho e por cima da barreira faz seu gol e o quinto do Nações, e sai que nem louco gritando, " Eu Amo a Rutinhaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa". Com  isso o Nações faz mais algumas mudanças, sai Mônica, Toco, Agostinho e Garoto Bombado, para entrada do Esqueleto, Kibe, Sgt Pincel e Suricato, jogo continua da mesma forma, marcação do Nações e contra ataques, e o Corinthians atras de seu gol de honra, eis que acontece, em saída apertada na zaga, Esqueleto toca curto para nosso paredão Xero, atacante rouba, Esqueleto chega na marcação, mas o juizão vê pênalti, interpretação dele, mas tranquilo, Leandro mesmo bate e faz o gol de honra do Corinthians. Final de jogo, e Cunhado volta a campo no lugar do Leão Lobo, e logo em seguida vem o término do jogo, com o placar Corinthians 1 x 5 Nações.

Tarde perfeita na Cidade de São Chico, Campo muito bom, Arbitragem Excelente, muito boa mesmo, diga-se de passagem um trio de arbitragem, difícil de vermos nos Veteranos, devido aos valores acredito eu, fica quase que impossível colocarmos um trio de arbitrage, mas parabéns ao Corinthians que tem a possibilidade de colocar, jogadores dos dois lados, leais, pensando em jogar bola, em fazer gol, em correr, marcar, mas tudo com muito respeito entre todos. Após o jogo foi nos servido uma belíssima janta, com direito a sorteio de rifa e tudo mais. Parabéns atletas do Corinthians e Comissão técnica, veterano este para se jogar todos os anos, pessoal gente boa demais.

Naçôes foi a campo: Xero, Esqueleto, Toco, Suricato, Leão Lobo, Kibe, Cachorro Louco, Garoto Bombado, Tonho da Lua, Mônica, Sgt Pincel, Papai Pig, Agostinho, Xonado, Amin Khader e Cunhado.

Parabéns Família Nações, jogamos como temos que jogar, um ajudando o outro, sem discussão alguma, incentivando um ao outro, muita marcação, meias trabalhando muito bem a bola, e os atacantes fazendo sua parte, Gols. Uma pena alguns atletas nossos não poderem estar juntos, devido à contusõe, mas espero que se recuperem o quanto antes para estarem junto à sua Família Nações.

Não poderia deixar de mencionar este ser humano chamado Biga, que esteve no jogo passado contra o Democrata de São Bento, e com seus cabelos e barba mais brancas que uma saca de cal, jogou muito na lateral esquerda no primeiro tempo, e no segundo se aventurou no ataque ao lado do Mônica, imagine só, quase o dobro da idade do Mônica, com seus 64 anos, quase pegou o rebote do Mônica no chute, sería um gol de centro avante de área, matador mesmo, mas quiz a bola que passa-se por vc. Biga muito bom ter vc ao nosso lado ao sábados, fez falta neste, espero que esteja nos próximos.

Grande abraço Familia.

Marcelo/Esqueleto.

 

p

2 pessoas comentaram. Leia e comente também!
Sexta, 18 de agosto de 2017

Amanhã, Nações vai a São Francisco do Sul confraternizar com a fortíssima equipe do Corinthians. Promessa de um Jogão.

Participe, deixe o seu comentário
Sexta, 11 de agosto de 2017

Neste sábado vamos receber em nossa sede os amigos do Democrata de São Bento do Sul. Sejam muito bem vindos.

Participe, deixe o seu comentário
Domingo, 30 de julho de 2017

Jogo da Superação!!!

Boa noite galera do Futebol Veterano. Após alguns jogos de folga nas resenhas, eis que estou retomando novamente as principais narrativas do que aconteceram de melhor. 

E não poderia ser melhor esta volta, hoje a resenha será do jogo da Superação, Alvorada x Nações.

Neste sábado agradável, nos deslocamos a Cidade de Blumenau para enfrentar a fortissima equipe do Alvorada, do meu grande Amigo Dida, ser humano sensacional, de um respeito enorme com seus adversário.

Vamos ao jogo, começa o primeiro tempo, Nações da saída de bola, muita troca de passes na meia cancha, Alvorada sempre com uma forte marcação, mas logo aos 15 minutos, boa triangulação no meio campo, Ave Maria recebe bola pela direita e cruza rasteiro, atravessando a pequena área toda e caindo nos pés do Atacante Mônica, de chapa só colocar para dentro das redes. Alvorada então vem contudo para cima do Nações, e num escanteio, meia deles pega de voleio, mas como um gato, Máscara faz uma linda defesa. Nações segue tentando nos contra ataques, e tem outra chance com Sgt Pincel, mas o chute sai mascado, facilitando a defesa do goleiro do Alvorada. Mais algumas chances para o Alvorada, mas o setor defensivo seguia bem na partida, tirando tudo. Aos 30 minutos o volante Kibe sente a panturrilha e tem que ser substituído pelo nosso único jogador no banco, Dick Vigarista, ficando assim o Nações sem mais ninguém para trocar no decorrer do jogo. Terminando assim o primeiro tempo com o placar de 1 x 0 para o Nações. 

Começa o segundo tempo, e o Alvorada com vários jogadores no banco, faz algumas mudanças e vem contudo para cima do Nações, jogo de ataque contra defesa, Nações só nos contra ataques, Alvorada no abafa, mas o goleiro Máscara em tarde inspirada, pegava tudo e mais um pouco, e lá pelos 20 minutos, em roubada de bola pelo setor defensivo, troca de passes pela ala direita, Garoto Bombado cruza pelo alto, para de Cabeça Sgt Pincel fazer o segundo gol do Nações. Banho de água gelada no Alvorada, que nada, Alvorada continua atacando, em busca do seu gol, até que aos 26 minutos, em escanteio, Esqueleto ao ver que não alcançaria a bola com a cabeça acaba acertando com a mão dentro da pequena área, e mão debtro da área é Penalty, mas só que com o pênalti, veio a expulsão também, muito contestada pelo zagueiro Esqueleto e o Nações, sendo que a bola iria para fora, mas sem muito êxito algúm, Esqueleto deixa a partida, e deixa o Nações com apenas 10 jogadores em campo também, pois não tínhamos mais jogador para substituir. Alvorada converte o primeiro gol com a penalidade, e então se joga de vez para cima do Nações, com um jogador a mais, tomou conta do jogo, e depois de tanta pressão, bola cruzada rasteiro da esquerda para direita, o atacante do Alvorada só de chapa empata o jogo. O jogo se torna em pressão de um só time, Alvorada parecia que sairia com a vitória, mas com muita vontade e Superação por parte dos nossos guerreiros que estavam em campo, em bola lançada por nosso Paredão Máscara, Mônica ganha do zagueiro, chuta mas o goleiro defende, mas solta nos pés dele novamente, que sem ângulo chuta rasteiro e vê a bola balançar a rede para o Nações, muita festa na comemoração, inacreditável, parecia que iríamos tomar a virada, mas não, conseguimos fazer o terceiro. Mais uns 5 minutos de pura pressão por parte do Alvorada, mas esbarraram no ótimo setor defensivo e no nosso Paredão do Jogo, nosso goleiro Máscara, diga-se de passagem o Cara do jogo. Finalizando assim o jogão de bola, com a vitória do Nações pelo placar de Alvorada 2 x 3 Nações.

Para quem foi, um verdadeiro espetáculo de futebol, dois times fortíssimos, em busca de Gols sempre, jogo corrido, muita marcação, jogadas lindas e feias também. 

Quanto ao Nações, como disse no título, Jogo da Superação, fomos em 12 jogadores e mais dois machucados que nos acompanharam pela grande parceria que é este nosso time. Obrigado Luís e Xero que nos acompanharam, e nos ajudaram muito do lado de fora, ao Diego que de passagem por Balneário nos acompanhou e nos ajudou muito, se não tivesse vc iriamos acabaro jogo com 9 jogadores em campo. Mas não poderia deixar de dar os parabéns a este garoto, paredão, humildade em pessoa, chamado Máscara, o cara do jogo, PAREDÃO mesmo, pegou até sombra no jogo. Parabéns galera, estamos no caminho certo, já faz algum tempo, que continue assim até o final de nossa temporada 2017.

Nações foi a campo: Máscara, Esqueleto, Xonado, Suricato, Leão Lobo, Kibe, Papai Pig, Ave Maria, Garoto Bombado, Sgt Pincel, Mônica, Dick Vigarista. No DM Zangado e Xero.

Marcelo/ Esqueleto.

3 pessoas comentaram. Leia e comente também!
Domingo, 16 de julho de 2017

Com apenas 12 jogadores, depois de estar perdendo por 2 x 0, se superamos em campo e viramos o jogo. Nações 5 x 2 Praianos.

Participe, deixe o seu comentário
Segunda, 10 de julho de 2017

Nações em tarde inspirada, vence a forte equipe do Itajaiense no ótimo campo do São Nicolau.

Participe, deixe o seu comentário
Terça, 13 de junho de 2017

Jogando em casa neste sábado passado, Nações 4 x 4 XXV de Dezembro.

Participe, deixe o seu comentário
Terça, 13 de junho de 2017

Jogo de Sábado retrasado na Cidade de Jaraguá do Sul, CERVEJA 3 x 5 Nações.

Participe, deixe o seu comentário
Quarta, 24 de maio de 2017

Sábado de muita chuva, mas de muito futebol também, com nossos amigos do Garuva em nossa Sede.

Neste sábado passado, apesar de muita chuva no Estado, nós do Nações, recebemos a forte equipe do Garuva do nosso grande amigo Luiz Henrique. Muitos jogos cancelados, devido as fortes chuvas, mas como nosso Campo tem uma ótima drenagem, conseguimos manter o jogo. Vamos ao que de melhor aconteceu nos dois tempos de jogo e após, onde sempre é a melhor parte, a confraternização entre as equipes adversárias.

Primeiro tempo começa com a equipe do Garuva dando o ponta pé inicial, jogo com muita marcação por parte das duas equipes, gramado escorregadio devido à chuva, onde de certa maneira, a bola corria mais rápido, e o jogo se tornava de muita movimentação. Nações tentava trocar passes em busca do primeiro gol, mas não conseguíamos acertar o último passe, acredito estarmos muito ansiosos, onde assim errávamos muito, passes de um, dois metros, nao estávamos bem no jogo, desta maneira o Garuva tentava aproveitar os erros do Nações, mas também não conseguia aproveitar as chances támbem, marcação boa por parte dos dois lados, até que então, em bola roubada na zaga, troca de passes com volante e meias, a bola chega caprichosamente nos pés do matador Mônica, que domina, avança e de fora da grande área, acerta um belo chute quase que não gaveta, sem chances para o goleirão do Garuva, abrindo o placar no jogo para o Nações. Garuva, então vem e me busca do empate, algumas chances desperdiçadas, e com isso o Nações segue nos contra-ataques, num destes, ganhamos o escanteio a nosso favor, Mônica bate, a bola é tirada de cabeça pela zaga adversária, mas cai nos pés do nosso meia Habilidoso Chaves, que ameaça a batida, corta um adversário, ameaça novamente e corta o segundo, e de chapa coloca no canto esquerdo do goleiro, fazendo o segundo gol do Nações. Mudanças no Nações então, entra nosso lateral habilidoso, ofensivo e defensivo Leôncio, para muitos Bigode, como ele mesmo diz, ele não joga futebol, mas dá apresentação, entra com muita vontade tremenda, e assim com essa vontade, vai ajudando o setor defensivo a manter a vantagem conquistada no primeiro tempo, e ainda tem tempo para trocar passes com seu mais que amigo, irmão, sei lá o que posso dizer, ele Téo Pereira, para os mais chegados Paulista, uma amizade muito sólida, sem dizer na sua habilidade com a bola nos pés, mais um que da apresentação, duas pessoas extraordinárias. Terminando assim mesmo, o primeiro tempo, Nações 2 x 0 Garuva.

Começa o segundo tempo, logo em seguida, já que estava muito frio e a chuva ia e vinha, então para não esfriar muito, fomos ao jogo. Nações muda algumas peças, mais marcação no meio campo, imaginem só, Cachorro Louco e Kibe juntos, não passa nada, e quando passava, tinha Agostinho que acha que é atacante, kkkkkkkkkkkk, e Tonho da Lua, que estava mesmo, era atrás da Rutinhaaaaaa, porque para o jogo é que não, e para fechar o setor defensivo, Leão Lobo e Xonado, juntos quase 170 kg, kkkkkkkkk, acho que um regime vai bem, e nosso Paredão Xero, esse sem comentários, monstro embaixo daquele gol. Vamos lá então, Garuva vem em busca do empate e talvez até a virada, muitas trocas também no Garuva, Nações ficou só na espera dos contra-ataques, Garuva tentava entrar no setor defensivo do Nações, mas estava difícil, e nestes contra-ataques, bola tocada para Zé Buscapé, que de primeira, serve na bandeja, Mônica, que em velocidade sai cara a cara com o goleiro do Garuva, soltem o trabalho de tirar do goleiro e fazer seu segundo gol e o terceiro do Nações. Garuva valente, não desistia, tentava de todos os lados do campo, mas não aceitava seu último passe, e a pontaria não estava boa, mas não desistia do seu primeiro gol, novamente Nações em boa troca de passes entre meias e volantes, deixam ele, Mônica cara a cara com o goleiro do Garuva, e então, sai o seu terceiro gol, pedindo música novamente, e pediu, em homenagem  a Família Nações e o Agostinho, a música foi aquela, " Esta Família é muito Unida". Nações abre 4 gols, e novamente mudanças no Nações, voltam Esqueleto, Garoto Bombado, Suricato e Ligeirinho, jogo que segue, Nações vai administrando o placar, até que em boa triangulação pela lateral direita do Garuva, em chute forte para dentro da grande área do Nações, Esqueleto tenta interceptar, mas a bola pega na barriga e engana nosso paredão Xero, gol de barriga do Esqueleto, lembrando Renato Gaúcho na final do Carioca, Garuva faz seu gol de honra. Terminando logo em seguida o grande jogo entre as duas equipes, placar final, Nações 4 x 1 Garuva.

Garuva, uma equipe muito aplicada dentro e fora de campo, jogadores leais, campo molhado, mas as duas equipes pensando somente em jogar bola, acredito que no jogo todo, um carrinho apenas, mas na bola ainda, sem perigo nenhum ao adversário, apesar do placar, Garuva teve algumas chances claras de gol também, só não soube aproveitar, chances estas que o Nações aproveitou. Uma pena nosso grande amigo Luiz Henrique não poder ter vindo a Balneário, Paulista quando soube, nem queria mais vir ao jogo, ficou muito triste, kkkkkkkkkkkkkkk, brincadeiras à parte, Luiz Henrique, você sabe o respeito e a admiração que eu Marcelo, Leto e Paulista temos por você. Após o jogo, a festa só melhorou, fomos para a melhor parte, a janta, a cerveja e a cantoria por parte da turma do Garuva. Espero que o Veteranos do Garuva, tenha gostado da tarde de futebol e bate papo, junto ao Nações, apesar do tempo chuvoso, mas que não atrapalhou nada, no meu ver. 

Naçõées jogou assim: Xero, Esqueleto, Leão Lobo , Agostinho, Suricato, Garoto Bombado, Cachorro Louco, Téo Pereira, Tonho da Lua, Zé Buscapé, Mônica, Xonado, Kibe, Chaves, Zangado, Ligeirinho, Leôncio.

Mais uma partida perfeita Nações, muita troca de passes, defesa perfeita, e ataque matador; sem reclamações alguma entre jogadores, cada jogo que passa, mais esquecemos o juiz, e pensamos somente em jogar futebol. Colaboração de todos os jogadores nas trocas no decorrer do jogo, tenho certeza que assim, nossa Família Nações só vaí fortalecendo mais e mais a cada jogo que passa. Não poderia deixar de mencionar, à volta do nosso maestro no meio campo, Zangado, após lesão atrás do joelho, voltou, jogou todo segundo tempo, e graças a Deus não sentiu nada, que bom Zangado, que você já está de volta à nossa Famíli, você sabe o quanto a galera o respeita e admira. Valeu Família, grande abraço e até sábado que vem, para mais uma partida mais que dificil, contra nossos amigos do Democrata de São Bento do Sul.

Esqueleto/ Marcelo.

 

3 pessoas comentaram. Leia e comente também!
Domingo, 14 de maio de 2017

Mais um sábado de muito futebol, alegria e muita amizade na Cidade de Guaramirim com nossos amigos do Vet. Guaramirim.

Boa noite amantes do nosso Futebol Veterano. Neste sábado à tarde fomos visitar nossos amigos do Veteranos de Guaramirim na Cidade de Guaramirim. Como sempre, desde a chegada, já fomos recepcionados pelos atletas, Renato e Zé, grandes amigos de longa data, tudo perfeito, tarde ensolarada, campo em perfeitas condições, um tapete, arbitragem nota 1000 e uma galera 100% do Guaramirim.

Vamos ao que de melhor aconteceu no jogo, no primeiro tempo, Nações dá o pontapé inicial e rola a gorducha, muito toque de bola por parte do Nações, sempre chamando o adversário para a defesa, para assim abrir a marcação e sair em busca do gol, mas o Guaramirim fazia marcação forte, não deixandoo ataque do Nações se criar, então já que não estava dando certo com a troca de passes, nosso Paredão Xero faz uma defesa, e mais que rápido vê Mônica mano a mano com o zagueiro, então dá um perfeito lançamento, a bola quica na frente do zagueiro do Guaramirim que tenta tirar, mas erra o chute e Mônica acreditando na jogada rouba a bola e sai frente a frente com o goleiro do Guaramirim, escolhe o canto e chuta para o fundo das redes, abrindo o placar para o Nações. Segue o jogo, Guaramirim vem em busca do empate, pois jogava nos seus domínios, tenta algumas investidas, mas a nova dupla de zaga Leão Lobo e Esqueleto, dominavam bem o setor defensivo, junto com seus laterais e volantes. Então, aos 30 minutos, Nações faz uma alteração, entra ele, Leôncio ou Biga para os mais chegados, nosso lateral ofensivo e defensivo, nos altos dos seus quase 64 anos, parece um garoto, muita habilidade e velocidade numa só pessoa. Seria ele a arma secreta para o segundo gol ? Quem sabe? Jogo seguia com boas chances dos dois lados, e quando parecia que o primeiro tempo terminaria um a zero para o Nações, acontece uma falta um pouco antes da grande área, o jogador do Guaramirim cobra a falta, com um belo chute que quica quase em cima do nosso Paredão Xero, que espalma para o meio da grande área, Esqueleto e Leão Lobo dormem na grande área, e só olham o atacante do Guaramirim de cabeça empatar o jogo, não dando mais tempo para mais nada, terminado assim o primeiro tempo, Guaramirim 1 x 1 Nações.

Vamos ao segundo tempo de muitas emoções, algumas mudanças no Nações, entram Sgt Pincel no ataque, Woddy Toy Store na zaga, depois de quase dois meses viajando, Papay Pig vai para o meio, e Ligeirinho volta a lateral direita, com Tonho da lua na lateral esquerda. Segue o jogo, Guaramirim vem em busca da virada, já que tinha empatado no final do primeiro tempo, Nações começa segundo tempo, sendo meio encurralado no setor defensivo, mas suportava bem, mas Ligeirinho em boa jogada pelo lado direito, é atropelado por uma jamanta desgovernada do Guaramirim, sente a costela, e é substituído por Agostinho Carrara, o tal Delegado do ano passado, não vou entrar em detalhes, mas a grande maioria sabe o que quiz dizer sobre o Delegado, kkkkkkkkkkkkk, que entra muito bem por sinal, executou muito bem seu papel de lateral, tanto defensivo como ofensivo. Jogo que segue, e em boa troca de passes, Mônica recebe a bola pela direita, se livra da marcação e de bandeja, toca para Sgt Pincel, livre de marcação só colocar a pelota para dentro do gol. Guaramirim não acredita, pois jogava bem o começo do jogo, se abre um pouco mais em função da busca pelo empate, mas era preciso, Nações vai tentando se aproveitar do momento, e novamente em lançamento para Mônica pela direita, mesmo sendo agarrado, puxado, pelo zagueiro enxadada Zé, consegue colocar na frente, se desvencilhar da marcação e chutar para fazer seu segundo gol e o terceiro do Nações. Mais algumas mudanças no Nações, Tonho da lua vem para o meio, Suricato vai para lateral esquerda, Cachorro Louco entra como volante, e Esqueleto volta para a zaga, e o time continua a mesma pegada, e não é que Tonho da Lua faz uma grande jogada pelo meio com atacante Sgt Pincel, Sgt Pincel toca para Tonho da Lua, que de primeira, vira o corpo e deixa Sgt Pincel de cara a cara com o goleiro do Guaramirim, o que acontece, golllllllllllllllllll, mais um do Sgt Pincel, Guaramirim não acredita, parece se perder no jogo, Nações vai aproveitando, mais uma vez, boa triangulação dos meias e ataque, e falta próximo da grande área, Mônica chuta forte por cima da barreira, goleirão espalma para frente, e quem estava lá, ele o oportunista, tanque Sgt Pincel, para com muita vontade empurrar para dentro do gol, fazendo seu terceiro gol no jogo e o quinto do Nações, é claro que três gols, pede música, a música pedida foi "Deus cuida de mim", que volta Sgt Pincel, após três jogos ausentes, voltou em grande estilo. Guaramirim não desiste não, e em busca de diminuir o placar, o meia sofre falta no bico grande área, o meia do Guaramirim, bate com maestria, no canto contrário da barreira, paredão Xero só olha, e a bola explode na barriga de bicha do Agostinho Carrara, mas sobra novamente sem marcação para o atacante do Guaramirim fazer o seu segundo gol no jogo. Nova mudança no Nações, entram o atacante Zé Buscapé e Garoto Bombado, e não é que desta dupla, sai o sexto gol do Nações, grande passe de Tonho da Lua, Sgt Pincel nem se mexe, Guaramirim pede impedimento, mas Garoto Bombado sai de trás do Sgt Pincel, e quase na linha de fundo, chuta para dentro da área, para que Zé Buscapé só tenha o trabalho de fazer o seu gol e o sexto do Nações, acreditaram na jogada e assim saiu mais um gol do Nações. Não dando tempo para mais nada. Final de partida Guaramirim 2 x 6 Nações.

Parabéns Guaramirim, tudo perfeito, desde a chegada até a saída, campo perfeito, marcação muito visível do campo, arbitragem nota 1000, jogo melhor ainda, jogo de muita maracação, de bons jogadores dos dois lados, jogo aberto, muito respeito entre os Veteranos, uma partida decidida no segundo tempo, a partir dos 20 minutos, após o jogo, fizemos a tradicional oração no meio de çampo, todos juntos, grandes palavras do Renato e Zé por parte do Guaramirim, e do Agostinho e Esqueleto por parte do Nações, e depois, a melhor parte, muita festa, bate papo e uma janta deliciosa pelo Guaramirim. Parabéns mais uma vez, Guaramirim, tudo excelente, rapaziada gente boa demais, grande abraço, e vamos tentar retribuir a altura.

Nações jogou assim: Xero, Esqueleto, Leão Lobo, Agostinho, Suricato, Garoto Bombado, Cachorro Louco, Téo Pereira, Chaves, Zé Buscapé, Mônica, Woddy Toy Store, Ligeirinho, Kibe, Tonho da Lua, Papai Pig, Sgt Pincel e Leôncio.

Parabéns Nações, mais um grande jogo, mais uma vez, quase que perfeito, alguns erros de marcação, alguns erros nos passes, alguns erros nas finalizações, kkkkkkkkkkkkkk. Erros? Erros nada, não somos profissionais, e mesmos se fossemos, qual o problema em errar? Nenhum, não ganhamos nada, saímos de casa para nos divertirmos, para vermos uns aos outros, depois de uma semana cheia, de muito trabalho, preocupações, problemas, queremos mesmo ganhar, queremos sim, claro que não saímos de casa para perder, mas acima de tudo isso, da vitória, dos três pontos, vem a Amizade, o Respeito, a Admiração, a Felicidade, o Amor que temos uns com outros, uma segunda Família, verdadeiros Pais, Irmãos, Tios, Primos, todos com seus conselhos, quem sabe, na hora certa, na hora errada, mas cada um com o seu, importante é saber escutar, absorver, ou não, vai de cada um, importante respeitar a opinão de cada um. Obrigado Família Nações, por estarem me ajudando nas trocas no decorrer do jogo, havendo respeito e um pouco de paciência por todos, vamos continuar este clima excelente que está entre nós todos, muita festa, alegria, brincadeiras, sacanagens, desde a chegada até a saída. Valeu Galera do Bem. 

Obs: Biga, que bom que vc foi no jogo, vc não existe, eu sei o quanto vc gosta dessa galera, logo logo, Maria vai estar 100%, e vc estará todos os jogos conosco. Meu lateral habilidoso.

Grande abraço.

Marcelo/ Esqueleto.

3 pessoas comentaram. Leia e comente também!
www.futebolveterano.com.br | contato@futebolveterano.com.br